A barriga da mulher depois do bebê - Quatro Estações

A barriga da mulher depois do bebê

12 setembro 2014comente

Cinta pós-parto: usar ou não usar?




Sem dúvida essa deve ser a maior dúvida das futuras mamães após ganhar os bebês: como vai ficar minha barriga após o parto? E é ai que surge a dúvida se deve ou não usar a cinta pós-parto. Antigamente a cinta pós-parto era praticamente obrigatória no parto cesárea, mas hoje há muita polêmica e alguns médicos divergem no assunto.

Acredito que muitas mulheres, assim como eu também pensava (acho que a mídia nos influência a pensar assim), que iria já sair da maternidade com a barriga sequinha, assim como era a minha antes. E pra minha surpresa, ninguém havia me contado que a barriga de grávida ainda fica, infelizmente, por alguns meses e em algumas, nem some. Eu usei a cinta durante o dia e a noite não usava. Acho que usei de 3 a 4 meses só. A minha barriga desapareceu completamente com 7 meses, não ficou flácida e eu amamentei até os 11 meses. 

A barriga do pós-parto, tanto cesárea quanto normal, fica como da foto da princesa Kate Middleton (foto). Eu adorei, adorei mesmo quando ela apareceu assim, pois é assim mesma que ficamos e as atrizes famosas querem esconder. Pois é, esta é a realidade de 99% das mulheres no pós-parto, acredito.

Alguns médicos não recomendam o uso, pois algumas mulheres usam indevidamente e causa danos, mas se usada corretamente, traz ótimos benefícios.

Vantagens do uso da cinta pós-parto:
  • ajuda a reorganizar os órgãos em seu devido lugar;
  • diminui o inchaço e a flacidez;
  • ajuda a se locomover melhor;
  • ajuda a barriga voltar mais rápido;
  • sente mais segurança na hora de tossir ou rir; 
  • tira a sensação de os órgãos estarem meio soltos por dentro;
  • tira aquela aflição dos pontos e que a barriga pode abrir a qualquer momento.

Desvantagens:

A principal desvantagem da cinta é o uso incorreto. A mulher se sente muito segura com o uso da cinta que começa a extrapolar, já achando que está tudo bem e pegando no pesado, fazendo mil e uma coisas após ter feito uma cesariana, principalmente. É ai que está o erro do uso da cinta. Por mais que ela dá uma segurança, não se esqueça que ainda não pode pegar peso, tem que manter um certo repouso como todo pós-operatório.
O foco principal é cuidar do bebê recém-nascido, para outras coisas mais difíceis, pedir pra alguém ajudar ou simplesmente fechar os olhos. Não se esqueça que se acontecer qualquer coisa com você, que agora tem um bebezinho que te é totalmente dependente. Então tem que se cuidar para poder cuidar dele(a).

Outra desvantagem do uso, é que muitos especialistas falam que ela dificulta o fluxo sanguíneo, então, use só por um período do dia, não fique as 24 horas com a cinta. É sempre importante conversar com o médico sobre a faixa pós-parto.

Eu usei este modelo de cinta,
tipo calcinha alta
Outras dúvidas quanto a barriga da mulher após o parto

Barriga de grávida depois que o bebê nasceu: vemos casos de mulheres que 1 mês após o parto já estão com a barriga normal, mas isso é raro, pra não dizer quase impossível. O útero demorou 9 meses para esticar e não é de uma hora para outra que ele vai voltar a ser o tamanho de uma pêra após demorar 9 meses para estar em um formato de melancia. 

Como faço para barriga voltar mais rápido?
A primeira coisa de tudo é pegar leve nos primeiros 6 meses se você fez parto cesárea. Fatores que ajudam a barriga voltar mais rápido: principalmente a amamentação, ter uma dieta equilibrada (não faça regime durante a amamentação, apenas coma direitinho sem exageros), fazer exercícios (mas somente após liberação do seu médico) e se você não ganhou muito mais do que 12 a 14 quilos na gravidez, que é o recomendado pelos médicos, ajuda mais ainda.


Mas não se esqueça: barriga pós-parto é normal, existe desde o começo do mundo. Não vai ficar assim pra sempre, é totalmente humano e aceitável.